Conheça a importância da liderança em novos tempos

importância da liderança

O espírito de liderança tem sido a base de muitas transformações sociais, econômicas e culturais ao longo dos séculos – e o cenário não é diferente agora. Depois que a pandemia de Covid-19 chegou e mudou radicalmente o estilo de vida e trabalho de muitas pessoas, a importância da liderança ficou ainda mais em evidência. 

Se você trabalhava alocado e aderiu ao home office, sabe do que estamos falando. É muito fácil perceber quem consegue conduzir equipes remotas (com todos os desafios que isso traz) e ainda assim ser um bom líder. 

Saiba um pouco mais sobre como a liderança pode ser uma grande aliada para se destacar no mercado nesses novos tempos e o que você pode fazer para se preparar frente a esses novos desafios.

Qual a importância da liderança frente a um trabalho remoto?

Os que ocupam cargos de liderança (ou querem ocupar) têm tido um trabalho um tanto quanto desafiador do último ano para cá. 

Seja para reestruturar e realinhar as equipes, identificar novos fluxos de trabalho, redirecionar o negócio ou incluir mais automação, os caminhos de muitas empresas envolveram a tomada de várias decisões (novas e difíceis).

Com equipes remotas, o “Podemos falar um minuto?” se tornou um “Consegue entrar em uma reunião?” – e a comunicação entre membros da equipe ficou mais difícil. Portanto, é fácil para as equipes se desconectarem.

Isso exige que os líderes de equipes remotas sejam um ponto de comunicação eficaz e consigam garantir a colaboração entre todos. 

Além disso, um ponto importante da liderança frente a um trabalho remoto é construir um lugar de confiança, onde os colaboradores não se sintam “vigiados”, mas sim tenham um propósito para continuarem trabalhando da melhor maneira possível.

 

Uma publicação no LinkedIn feita por Briggete Hyacinth, autora do livro “Leading the Workforce at the Future”, ficou muito famosa em 2019 nas redes sociais por mostrar um tipo novo de liderança, mas que agora está se espalhando rápido entre muitas equipes que estão em trabalho remoto. Olha só o que diz a publicação:

“Quero compartilhar com vocês algumas palavras sobre a organização que desejo que sejamos. Não me importa se você está no escritório às 8h. Eu não me importo se você escolhe trabalhar em casa, ou não. Eu não me importo se você trabalhar na garagem enquanto conserta seu carro. Eu contratei você para um trabalho e confio em você para fazer isso. 

Apenas me diga o que você precisa de mim e eu irei aparecer para você. 

A vida acontece! 

Você não precisa me justificar por que precisa de um dia de folga. Você não precisa explicar o quão doente seu filho está para sair mais cedo. Você não precisa se desculpar por ter uma vida pessoal. 

Sim, eu me importo com os resultados, mas também me importo com você. 

Somos todos humanos e somos todos adultos. Eu lidero pessoas. Eu não administro uma creche para adultos. 

Meu conselho para os gerentes de contratação são:

1. Selecione as pessoas certas;
2. Alinhe com as expectativas (seja claro como cristal);
3. Forneça ferramentas e suporte adequados;
4. Saia do caminho deles. ”

Essa publicação voltou a fazer sucesso recentemente e tem sido compartilhada por muitos profissionais nas redes sociais, mostrando que os novos tempos realmente já chegaram.

Principais desafios na gestão de equipes 

O caminho que leva a uma estratégia saudável e eficaz de trabalho pode ser acidentado se o líder não estiver ciente dos obstáculos ao longo do percurso. Veja alguns dos principais desafios na gestão de equipes:

  • Gestão direta das pessoas 

Acompanhar a evolução de carreira e desenvolvimento de skills dos colaboradores é um desafio para a maioria dos líderes, mas que merece muita atenção. 

  • Falta de interação

Em um escritório, as interações entre as pessoas vêm com pistas visuais que o ajudam a entender os limites e preferências de comunicação das outras pessoas. 

Qual é a melhor maneira de se comunicar com uma equipe remota quando você não tem esses sinais e dicas? Esse é um dos maiores desafios de trabalhar com uma equipe remota e que todo líder precisa enfrentar, independentemente do tamanho da empresa.

  • Do microgerenciamento à supercomunicação

O microgerenciamento é errado em um escritório – e ainda mais remotamente. Se você está acostumado a verificar e monitorar regularmente as pessoas em seu escritório, pode se sentir tentado a se comunicar demais com sua equipe remota. Se você cair nessa armadilha, poderá afetar negativamente a produtividade e o engajamento dos funcionários.   

  • Sentimento de exclusão

Esse é um problema que tem sido muito visto no trabalho remoto. Há uma boa chance de que funcionários possam se sentir excluídos da organização se um líder não se comunicar corretamente. 

Por exemplo, se um líder excluir alguns funcionários das conversas importantes, estará criando uma lacuna e um sistema de preferências, o que pode prejudicar gravemente o negócio e a cultura corporativa.

Importância da liderança em tempos de crises

Em tempos de crise, a nossa busca por uma figura confiável é quase que automática. Quando a Covid-19 começou a ser um assunto nos noticiários, por exemplo, muitos de nós ficamos confusos com a falta de uma fonte de informação que fosse clara, objetiva e confiável.

É nesse aspecto que surge a necessidade de uma liderança, que consiga centralizar informações precisas e seja até um “amenizador de ânimos”. 

As incertezas de uma crise podem ser fatais para equipes mal lideradas, podendo comprometer toda uma empresa.

Falamos um pouco mais sobre como lidar com as incertezas e estar prevenido para adversidades no artigo que explica o Mundo VUCA, leia aqui.

Importância da liderança em novos tempos: como estar preparado?

Veja algumas dicas para se preparar frente aos desafios que os novos tempos pedem de uma liderança:

  • Relacionamentos de apoio 

Se Vinícius de Moraes disse que é impossível ser feliz sozinho, quem somos nós para discordar. A questão é que somos todos seres sociais e precisamos de apoio. Como líder nesses novos tempos, você é o relacionamento profissional mais importante de sua equipe. 

Isso significa que você pode ser menos um chefe do século 20 e mais um líder que apoia e permite que cada membro da equipe alcance o seu melhor.

  • Objetivo

É mais fácil executar e se dedicar quando estamos em busca de um objetivo significativo: aumentar o ROI da empresa não é um objetivo pessoal significativo para ninguém, exceto para o CEO. 

Mostre como o trabalho da equipe tem valor, faz a diferença e pode ajudar cada membro a aprimorar suas habilidades e carreira. Torne o propósito pessoal.

  • Autonomia

Os profissionais odeiam ser micro gerenciados e o trabalho remoto é a oportunidade perfeita para fazer diferente. Mostre que você confia em sua equipe: delegue tarefas mais significativas, gerencie-as menos e deixe os profissionais fazerem o que eles fazem naturalmente.

  • Desenvolvimento

É difícil ficar motivado quando você não tem as habilidades para completar a tarefa. Trabalhar em casa é a oportunidade perfeita para permitir que sua equipe invista no seu bem mais importante: eles próprios. Delegue tarefas que aumentarão suas habilidades.

Como gerir pessoas e se tornar um líder dos novos tempos

Se você quer alcançar posições executivas em sua carreira, a Pós-Graduação em Gestão de Pessoas – Liderança em novos tempos, conta com a mais completa estrutura de habilidades técnicas e comportamentais (hard e soft skills) por quem mais conhece esses desafios no mercado. Saiba mais sobre o curso aqui.

Gostou do conteúdo? Quer saber mais sobre o assunto? Se inscreva na nossa newsletter e receba atualizações sobre o tema!

Compartilhe este artigo e inscreva-se em nossa newsletter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Mais artigos

Você já parou para pensar qual é o “segredo” de empresas gigantescas, que se tornaram cases de sucesso e faturam cada dia …

É preciso encarar os fatos: ter um processo de recrutamento em que você encontra e seleciona os melhores candidatos não é tão …

A capacidade de liderar é um talento inato ou pode ser aprendido? Nos últimos anos muitas empresas estão entendendo que o potencial …

O Head de Conteúdo da Galícia Educação, Paulo Lira, participou de uma reportagem para o Correio Braziliense dando o seu parecer sobre …

Quem já abriu um negócio sabe que não tem jeito: os primeiros clientes são os amigos, parentes e indicações. Isso é realmente …

Com a operação, Edtech cumpre plano de negócio traçado para 2021 e multiplica suas metas.  A Galícia Educação, primeira escola que nasceu totalmente digital …

Skip to content